MPAC pede investigação e responsabilização por incêndio na Papudinha
Acreaovivo.com
Tempestades
23°MIN 28°MAX
Rio Branco, AC

Sexta-Feira, 09 de Fevereiro de 2018 às 09:09 - Atualizado em Segunda-Feira, 12 de Fevereiro de 18 às 10:45

COMUNICAR ERRO

MPAC pede investigação e responsabilização por incêndio na Papudinha

Após detentos atearem fogo, na última quarta-feira (7), na Unidade Prisional UP4, conhecida como Papudinha, em Rio Branco, o Ministério Público do Estado do Acre (MPAC) recomendou, em ofício encaminhado nessa quinta-feira (8) à presidência do Instituto de Administração Penitenciária do Acre (Iapen), que sejam tomadas medidas efetivas de individualização, investigação e responsabilização daqueles que promoveram os atos criminosos de incêndio e destruição da unidade, provocando grave abalo à ordem social.

As medidas pretendem, sobretudo, engajar ações que visem solucionar a crise instalada no sistema prisional no estado. O ofício é assinado pelos promotores de Justiça Ildon Maximiano e Dayan Albuquerque, membro do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) e titular da Promotoria de Justiça de Controle Externo da Atividade Policial e Fiscalização de Presídios, respectivamente.

Para Ildon Maximiano, a falta da devida responsabilização acabará estimulando a prática de outros atos de organizações criminosas, contribuindo para agravantes ainda maiores, gerando o que ele chama de ‘sistema de progressão criminosa’.

 “É óbvio que, se eu demonstro fraqueza, ela servirá de estímulo para que outros atos sejam praticados; e esses atos subsequentes serão, evidentemente, mais graves que os anteriores. O momento impõe acentuado esforço para o alcance de medidas imediatas que sirvam para a resolução pontual e temporária da crise, com a tomada de outras medidas posteriores que, em definitivo, possam equacionar a imensa crise instalada no sistema prisional acreano”, afirma o promotor.

Promotores de Justiça destacam necessidade de demolição de parte comprometida em relatório técnico

Um relatório prévio elaborado por um engenheiro do MPAC, versando sobre as atuais condições da unidade penitenciária, também foi encaminhado ao Iapen.

No relatório, os promotores de Justiça destacam a necessidade de que haja demolição da parte que sofreu o incêndio, para evitar riscos de desabamento e como forma de preservação da estrutura do restante prédio, bem como, integridade física das pessoas que estão no local.

“O MP esteve com o NAT [Núcleo de Apoio Técnico] no local com os profissionais responsáveis e técnicos, e avaliou que, de fato, houve um abalo de grande parte da estrutura. Todavia, há uma parte que ainda é possível utilizar, o que foi discutido ontem em reunião, onde havia a execução do regime fechado com quase 70 presos. A necessidade de demolição da parte comprometida é para evitar desabamentos e risco às pessoas que estejam no local”, explica Ildon Maximiano.

Além do MP acreano, o relatório embasa, ainda, o posicionamento exposto e acordado em reunião realizada nesta quarta-feira, na sede do Juízo da Vara de Execuções Penais da Comarca de Rio Branco, com o presidente do Iapen, Aberson Carvalho, e a presença de diretores de outras unidades prisionais e dos juízes de Direito Luana Campos e Romário Faria.

 

Tag's: Rio Branco, Homicídio, Investigação, Polícia, Papudinha, Incêndio, MPAC

Fonte: Acreaovivo.com | Com informações do MPAC


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

PUBLICIDADE
Capital 20/02/2018 20:34

Nível do Rio Acre mantém tendência de vazante na capital

MARECHAL THAUMATURGO 20/02/2018 16:09

Governo intensifica serviços de pavimentação de ruas em Marechal Thaumaturgo

Colunistas 20/02/2018 15:45

Brasília, capital de todos os brasileiros – Por Elisângela Pontes

TARAUACA 20/02/2018 15:14

Polícia Militar recaptura foragido do presídio Moacir Prado em Tarauacá

Política 20/02/2018 14:15

Deputado cobra retomada das Comissões e votação pela derrubada do veto ao PL do Pró-Saúde

Brasil 20/02/2018 14:11

Moradores reagem à primeira ação da intervenção militar no Rio

Caderno do Interior 20/02/2018 13:59

Segurança realiza Operação de combate ao tráfico de droga na fronteira

MANCIO LIMA 20/02/2018 11:18

Traficante procurado pela justiça é preso pela Polícia Civil em Mâncio Lima

Política 20/02/2018 10:54

Governo estuda ações de comunicação para explicar privatização da Eletrobras

Polícia 20/02/2018 10:48

Operação Impactus prende 39 pessoas na capital

SENA MADUREIRA 20/02/2018 10:38

Homem de 45 anos morre eletrocutado em fazenda do Ramal Linha Nova

Acre 20/02/2018 10:28

Acima da cota de transbordamento, Rio Acre apresenta estabilização

FEIJO 20/02/2018 10:16

Jovem de 19 anos é assassinado no porto de Feijó

Política 20/02/2018 10:13

Governo anuncia plano B para economia após desistir de Previdência

SENA MADUREIRA 20/02/2018 09:49

Rio Iaco ultrapassa a cota de transbordamento e mais famílias são retiradas de suas casas

Cultura 20/02/2018 09:32

Tem Folia na Cidade: Sambase é campeão do Desfile de Blocos do Carnaval 2018

Colunistas 20/02/2018 08:48

O dubble de Don Juan

Economia 20/02/2018 08:46

Saiba em qual região é mais difícil conseguir empréstimos no Brasil

PORTO ACRE 20/02/2018 08:35

Operação Longo Alcance da PM apreende moto roubada e munições em Porto Acre

Acre 20/02/2018 08:30

Encontro de capacitação sobre Selo Unicef acontece em Rio Branco