Prefeita em exercício sanciona lei de prevenção à violência contra educadores na rede de ensino de Rio Branco
Acreaovivo.com
Tempestades
22°MIN 29°MAX
Rio Branco, AC

Sábado, 06 de Janeiro de 2018 às 09:30

COMUNICAR ERRO

Prefeita em exercício sanciona lei de prevenção à violência contra educadores na rede de ensino de Rio Branco

A prefeita de Rio Branco em exercício, Socorro Neri, sancionou na quinta-feira (4), a lei 2.274, de 3 de janeiro de 2018, instituindo no Sistema Municipal de Ensino a política de prevenção à violência contra educadores. A lei é de autoria do vereador Railson Correa. A cerimônia foi realizada na sala de reuniões da Prefeitura de Rio Branco na presença do deputado estadual Lourival Marques, dos secretários municipais Márcio Batista, da Educação, e Elza Lopes, de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, e Claudio Ezequiel, de Administração; além dos vereadores Elzinha Mendonça e Mamed Dankar. A educadora aposentada Guilhermina Moreira, mãe de Railson, também esteve presente no ato.

A implementação da lei se dará através da Secretaria Municipal de Educação (SEME) e, segundo Socorro Neri, trará importantes impactos na rotina dos educadores de Rio Branco. “Esta lei garante aos nossos educadores condições plenas de trabalho”, disse a prefeita em exercício, que agradeceu aos vereadores presentes o apoio à gestão dela e do prefeito Marcus Alexandre. “De minha parte estou feliz em reforçar o que a Prefeitura já vem desenvolvendo na prevenção à violência contra os educadores”, disse Railson.

O secretário Márcio Batista lembrou que o sistema educacional de Rio Branco atua com o projeto Liga pela Paz, que tem avançado no enfrentamento à violência no ambiente escolar e que a lei de Railson Correa proporciona ganho à política já implementada no âmbito da SEME.

Veja a lei na íntegra:

LEI Nº 2.274 DE 03 DE JANEIRO DE 2018

"Institui a política de prevenção à violência contra educadores e dá outras providências ".

A PREFEITA DO MUNICÍPIO DE RIO BRANCO - ACRE, EM EXERCÍCIO, usando das atribuições que lhe são conferidas por Lei, FAZ SABER, que a Câmara Municipal de Rio Branco, aprovou e ela sanciona a seguinte Lei:

Art. 1º Fica instituída a Política de Prevenção à Violência contra Educadores.

Art. 2º A Política de Prevenção à Violência contra Educadores tem como objetivos centrais:

I - estimular a reflexão acerca da violência física e moral cometida contra educadores, no exercício de suas atividades acadêmicas e educacionais nas escolas e comunidades;

II - implementar medidas preventivas, cautelares e punitivas para situações em que educadores, em decorrência do exercício de suas funções, estejam sob risco de violência que possa comprometer sua integridade física e moral.

Parágrafo único. Para efeitos desta Lei, consideram-se educadores os profissionais que atuma como professores, dirigentes educacionais, orientadores educacionais, agentes administrativos e demais profissionais que desempenham suas atividades no ambiente escolar.

Art. 3º As atividades voltadas à reflexão e combate à violência contra os educadores serão organizadas conjuntamente pelo Poder Executivo, por entidades representativas dos profissionais da educação, conselhos deliberativos da comunidade escolar, entidades representativas de estudantes, e deverão ser direcionadas a educadores, alunos, famílias e à comunidade em geral.

Art. 4º As medidas preventivas, cautelares e punitivas serão aplicadas pelo Poder Público em suas diferentes esferas de atuação e consistirão em:

 I – Implantação de campanhas educativas que tenham por objetivo a prevenção e combate à violência física e moral, bem como o constrangimento contra educadores;

II – Afastamento temporário ou definitivo do aluno agressor de sua unidade de ensino, dependendo da gravidade da agressão cometida;

III - Transferência do aluno agressor para outra escola, caso as autoridades educacionais concluam pela impossibilidade de sua permanência na unidade de ensino.

Parágrafo único. Fica equiparado ao agente público protegido por esta Lei o educador pertencente ao quadro da estrutura privada de ensino infantil, básico, médico e superior, no que se refere a aplicação das medidas previstas nos incisos I e II, do caput.

Art. 5º O Poder Executivo tomará as medidas necessárias à implantação e divulgação desta Lei.

Art. 6º Esta Lei entrará em vigor na data de sua publicação.

Rio Branco-Acre, 03 de janeiro de 2018, 130º da República, 116º do Tratado de Petrópolis, 57º do Estado do Acre e 135º do Município de Rio Branco.

Socorro Neri

Prefeita de Rio Branco, em exercício.

Tag's: Rio Branco, Prefeitura, Política, Lei, Violência contra educadores, Prevenção

Fonte: Ascom


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

PUBLICIDADE
Brasil 17/01/2018 16:00

Bolsa Família 'escraviza as pessoas', diz Rodrigo Maia

FEIJO 17/01/2018 15:53

Polícia prende homem que matou esposa em Feijó

CRUZEIRO DO SUL 17/01/2018 15:49

Pais de menores que mataram homem com golpes de terçado entregam filhos na delegacia

CAPIXABA 17/01/2018 15:26

Justiça determina que Município de Capixaba providencie transporte a adolescente para tratamento de saúde

Ciência e Saúde 17/01/2018 15:09

Anvisa determina apreensão de lote falsificado de Botox

XAPURI 17/01/2018 15:07

PRF faz apreensão de droga e traficante na BR 317 rumo a capital do Acre

CRUZEIRO DO SUL 17/01/2018 15:05

Comerciante tem moto furtada enquanto fazia entrega de mercadorias

Polícia 17/01/2018 11:39

Corpo com marcas de tortura é encontrado às margens de igarapé

Internacional 17/01/2018 11:37

Primeiro asteroide do ano se aproximará da Terra amanhã

SENA MADUREIRA 17/01/2018 11:24

Índios são presos em Sena Madureira com armas de fogo produzidas artesanalmente

Polícia 17/01/2018 11:17

Operação ‘Redentor’ cumpre 27 mandados na Cidade do Povo

Capital 17/01/2018 10:41

MPAC realiza I Seminário sobre Intolerância Religiosa nessa quinta-feira

Capital 17/01/2018 10:37

Maioria dos empresários locais ficou satisfeita com as vendas de Natal

Brasil 17/01/2018 10:35

Rio tem longas filas para vacinação contra febre amarela

Justiça 17/01/2018 08:55

Justiça mantém condenação de dupla por tráfico de drogas e posse ilegal de artefato explosivo

Política 17/01/2018 08:51

Justiça nega recurso contra liminar que suspende privatização da Eletrobras

CAPIXABA 17/01/2018 08:49

Investimentos do Estado fortalecem agricultura familiar em Capixaba

Educação 17/01/2018 08:45

Resultado do Enem 2017 deve ser divulgado amanhã, diz Inep

Acre 17/01/2018 08:44

Governo do Acre segue com monitoramento do Rio Madeira

Capital 17/01/2018 08:16

Sine disponibiliza 23 vagas para Rio Branco nesta quarta-feira, 17